Xangô torna-se Orixá


Xangô vivia em seu reino com suas 3 mulheres Iansã, Oxum e Obá , muitos servos, exércitos, gado e riquezas,sempre preocupado em fazer guerra, procurava uma formula para derrotar seus inimigos.Certo dia, ele subiu em uma colina, afim de testar um novo feitiço que inventara.
Quando recitou a fórmula, ouviu-se uma série de estrondos muito fortes e muitos raios riscaram o céu.
Quando tudo se acalmou, Xangô olhou em direção à cidade e viu que seu palácio fora atingido.
Ele correu para lá e viu que não havia sobrado nada, e muitos de seus súditos aviam morrido.
Desesperado, Xangô se refugiou em um lugar distante, Iansã correu junto com ele, passado o tempo Xangô não conseguindo agüentar tanta tristeza, bateu com força brutal os pés no chão e afundou pela terra, indo para o Orum, Iansã fez o mesmo na cidade de Irá seguida por Oxum e Obá.
Desde então Xangô vive no trovão enquanto Iansã vive nos ventos e relampagos, Oxum e Obá correm com os rios, surgiram assim novos Orixás.
Lenda tirada do livro
Mitologia dos Orixás – Reginaldo Prandi – 2001